APTA - Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios

Notícia

 

11/01/2018
APTA e CATI realizam 12º Seminário de Agregação de Valor em Horticultura
O Polo Regional de Ribeirão Preto da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, realizou o 12º Seminário de Agregação de Valor em Horticultura, em 7 de dezembro de 2017, em conjunto com a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI). O evento, com o objetivo de difundir ciência e técnicas inovadoras na área de agregação de valor em horticultura, recebeu 130 participantes.

Segunda a pesquisadora da APTA e coordenadora do evento, Sally Blat, o seminário proporcionou informações importantes aos profissionais da área, em especial aos produtores rurais da região, visando auxiliar nas principais dificuldades que eles enfrentam. “Como a maioria dos produtores da região são de agricultura familiar, buscamos fornecer ideias sobre como eles podem lidar com esses problemas e agregar mais valor à produção, viabilizando um mercado diferenciado e, consequentemente, mais lucrativo”, diz.

Em cada edição do evento, os temas das palestras são escolhidos com base em avaliações dos anos anteriores e nas tendências do mercado atual como, por exemplo, os óleos essenciais. “Buscamos sempre inovar nas palestras para podermos atingir os diferentes elos da cadeia”, diz a pesquisadora.

Os temas abordados durante as palestras foram: manejo do ambiente e do solo para cultivo de folhosas no verão, ministrado pela pesquisadora do Polo Regional de Presidente Prudente da APTA, Andréia Cristina Silva Hirata; visão da Rede 10 com relação ao mercado de hortifruti, apresentada pelo diretor administrativo da Rede 10 de supermercados, Rodrigo Canesin; extração, uso e mercado dos óleos essenciais, ministrada pelo pesquisador do Instituto Agronômico (IAC-APTA), Nilson Borlina Maia; manejo de pragas em cultivos orgânicos de hortaliças, apresentada pelo professor de entomologia do Centro Universitário Moura Lacerda, Alexandre de Sene Pinto; rastreabilidade e desenvolvimento de cadeias de hortifruti, ministrada pelo engenheiro agrônomo e gestor de contas da empresa Paripassu, Felipe Moraes; e embalagem de frutas e hortaliças, apresentada pela pesquisadora da Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento de Araçatuba da APTA, Silvia Antoniali do Carmo.

“Estou muito orgulhosa de estar realizando a 12ª edição deste seminário. Desde a primeira, o local tem sua lotação máxima e avaliações positivas, demonstrando o interesse dos participantes no evento”, diz Sally.

O evento contou com o apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Sindicato Rural de Ribeirão Preto e da Associação Brasileira de Horticultura (ABH).

“A transferência de tecnologia é uma ação muito importante. Uma das diretrizes do governador Geraldo Alckmin para a Secretaria é a atenção especial aos pequenos produtores. Este evento, contribui para cumprirmos esta determinação e aproximarmos a pesquisa do setor produtivo”, afirma Arnaldo Jardim, secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

Por Giulia Losnak (estagiária)

Assessoria de Imprensa – APTA

19 2137-8933

|Voltar|