cabecalho apta130219

Agronegócio garante superávit para comércio de São Paulo

A balança comercial dos demais setores da economia paulista teve déficit de US$ 2,31 bilhões, consideradas as importações de US$ 15,90 bilhões e as exportações de US$ 13,59 bilhões, enquanto o saldo comercial do agronegócio teve incremento de 30,5%, atingindo US$ 4,06 bilhões. As vendas para o exterior cresceram 29,8% nos primeiros cinco meses de 2007 na comparação com o mesmo período de 2006, atingindo US$ 6,10 bilhões. Já as importações subiram para US$ 2,04 bilhões (28,3%). As exportações do agronegócio brasileiro cresceram 26,3% (menos do que as de São Paulo), para US$ 22,88 bilhões. As importações do setor aumentaram 47,8%, chegando a US$ 5,94 bilhões. O saldo comercial atingiu US$ 16,94 bilhões, crescimento de 20,1% em relação ao período de janeiro a maio do ano passado, também inferior ao desempenho em São Paulo. Em 2006, o valor da produção agropecuária do Estado de São Paulo chegou a R$ 33 bilhões, com crescimento, em moeda corrente, de 7,6% em relação ao ano anterior. Dentre seus principais produtos estão a cana-de-açúcar, a carne bovina e de frango, café e laranja. O agronegócio paulista é responsável por um terço do agronegócio brasileiro e por 25% das exportações do agronegócio do País. Mais informações sobre as exportações do agronegócio paulista podem ser obtidas no site www.iea.sp.gov.br. Se quiser saber como está estruturado o setor no Estado, visite www.agricultura.sp.gov.br. (fonte: Secretaria de Agricultura de SP)
Pin It

Notícias por Ano