cabecalho apta130219

Clima poderá prejudicar produção de milho safrinha

O The International Research Institute for ClimateSociety (IRI), dos Estados Unidos, possui um sistema multi-modal de previsão climática para o mundo inteiro, publicado mensalmente. As estimativas de clima para o Brasil, efetuadas em abril/07, apontam probabilidade de chuvas abaixo do normal, mais especificamente para as regiões do Norte do Paraná, Vale do Paranapanema e Mato Grosso do Sul. O mapa do IRI mostra as probabilidades de ocorrência de chuva, onde se pode observar os indicativos para as regiões citadas com 20% de chuva acima do normal; 35% de chuva próxima do normal e 45% de chuva abaixo do normal. A previsão de chuva abaixo do normal poderá prejudicar as estimativas de safrinha recorde, porquanto desde março as chuvas têm sido irregulares em diversas regiões produtoras do cereal. As previsões divulgadas apontavam uma safrinha de 14,4 milhões de toneladas. De acordo com o Departamento de Economia Rural (Deral), do Paraná, cerca de 30% das lavouras estão na fase de espigamento (suscetíveis à seca) e as projeções sinalizam uma provável quebra na produção paranaense do milho safrinha de 5,4% (estimativa de produção em 5,4 milhões de toneladas). O Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) estima o déficit hídrico entre 30 a 60 milímetros, variando conforme a região. A falta de chuvas já atrasou o plantio de trigo no estado, sendo que apenas no sudoeste e parte do oeste estão em boas condições de umidade do solo, mas a época de plantio não começou. As informações são Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep). Redação Fonte: Agrolink
Pin It

Notícias por Ano