cabecalho apta130219

×

Aviso

There is no category chosen or category doesn't contain any items

Colheita no cafezal do IB lança início da safra em São Paulo

No maior cafezal do coração da cidade de São Paulo, localizado no Instituto Biológico (IB-APTA), foi comemorado dia 24 de maio o início da safra 2012 e o Dia Nacional do Café. A secretária de Agricultura e Abastecimento, Mônika Bergamaschi, fez a abertura do evento, representando o governador Geraldo Alckmin. Durante a cerimônia, Mônika recebeu o título de “Ministra da Agricultura da República de Vila Mariana” de instituição do bairro.
Outra comemoração importante foi o anúncio do certificado internacional UTZ, que atesta boas práticas e sustentabilidade no cafezal. O Biológico é o primeiro instituto público do mundo a receber o título, e como agradecimento o diretor do IB, Antonio Batista, fez a entrega de medalhas aos funcionários e colaboradores que participaram deste trabalho. Ele também fez uma homenagem especial ao funcionário aposentado do Instituto Biológico e responsável pelo replantio do cafezal na década de 1980, Aldir Alves Teixeira.
O evento teve a participação de representantes da indústria, associações, entidades do setor e da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA). Também estiveram presentes o presidente do Sindicato da Indústria de Torrefação e Moagem de Café do Estado do Espírito Santo (SINCAFE) e vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), Dagmar Cupaiollo; secretário estadual da Cultura, Marcelo Araújo; presidente da Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC), Américo Sato; coordenador do Concurso “Qualidade do Café”, Eduardo Carvalhaes; e o presidente da Câmara Setorial do Café, Nathan Herszkowicz.
Colheita do café
Todos os participantes tiveram a oportunidade de colher os frutos maduros no cafezal do Instituto Biológico, que conta com 1.500 pés de café. “A festa da colheita é o momento de, por meio dos frutos do trabalho humano e da generosidade da natureza, agradecer ao criador e reconhecer o quanto somos ricos e fortes por poder plantar e colher”, disse Mônika Bergamaschi antes da colheita simbólica do grão. “A terra, com suas leis, nos mostra que colhemos o que plantamos. E o sucesso é o fruto do nosso trabalho”, completou a secretária.
A história do cafezal do Instituto teve início na década de 1920 quando a “broca-do-café” começou a atingir as plantações do Estado de São Paulo, provocando a destruição dos grãos e a queda da produção nas fazendas. Essa crise que abalou o setor cafeeiro resultou na criação do IB, que tem a missão de gerar conhecimento para promover a sanidade animal e vegetal do agronegócio paulista.
A produção paulista de café do ano-safra 2012/13 é estimada em 5,04 milhões de sacas, um aumento de 28,7% em relação à anterior. Os dados são do último levantamento do Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA) e Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI), vinculados à SAA-SP, em parceria com a Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).
O Sabor da Colheita foi organizado pela Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (CODEAGRO), Instituto Biológico da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) e Câmara Setorial de Café, vinculados à SAA-SP, com o apoio do Sindicato da Indústria do Café do Estado de São Paulo (SINDICAFÉ), da ABIC, do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro, Pequena e Média Empresa (SEBRAE-SP) e cooperativas de café do Estado.
Clique aqui para ver imagens da colheita na galeria de fotos
Assessoria de Comunicação da Secretaria
Marina Mantovani/Nara Guimarães/Adriana Rota/ Melissa Cerozzi
Tel.: (11) 5067-0069