cabecalho apta130219

Em Jundiaí, IAC promove dois eventos relacionados com o meio ambiente

Dois eventos na área ambiental, relacionados com educação e gestão, vão acontecer esta semana em Jundiaí (SP). No dia 4 de agosto (quinta-feira), o Centro de Engenharia e Automação/Instituto Agronômico (CEA/IAC/Apta), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, e a Associação Mata Ciliar promovem a 1ª Reunião Técnica sobre Educação Ambiental para Recuperação e Sustentabilidade de Fragmentos Florestais. Já no dia 5 (sexta-feira), o CEA-IAC realiza a 3ª Oficina sobre Gestão Ambiental Comunitária.
A reunião sobre educação ambiental tem o propósito de alertar sobre a situação de degradação em que se encontram os fragmentos florestais nas cidades e principalmente no meio rural, explica o pesquisador do IAC Afonso Peche Filho, um dos facilitadores do evento ao lado de Jorge Bellix de Campos. Os fragmentos florestais são considerados de grande importância para a preservação de ambientes naturais principalmente quando entendidos como “ilhas de biodiverssidade”.
“Os fragmentos florestais brasileiros são protegidos por leis, mas na prática estão sendo extintos pela atividade humana. Na área urbana, sofrem perturbações por atividades das mais diferentes formas. Nas áreas agrícolas, estão presentes em APPs (áreas de preservação permanente) ou na forma de reserva legal. Isolados e sem efetivas atividades de preservação, sofrem com perturbações causadas por animais, fogo e atividades agrícolas. Assim estão fadados a desaparecer.”
O evento será realizado em duas etapas. A primeira etapa, teórica, discute temas relacionados com a situação e a importância da educação ambiental como ferramenta para a sustentabilidade dos fragmentos florestais. Na segunda etapa, as atividades serão desenvolvidas no campo, com apresentação de técnicas para desenvolvimento da percepção e avaliação da “vulnerabilidade” dos fragmentos frente à situação de ocupação de seu entorno.
Oficina comunitária
Já a 3ª Oficina sobre Gestão Ambiental Comunitária tem o objetivo de contribuir para o desenvolvimento participativo na elaboração e gestão de políticas públicas relacionadas com a temática ambiental, explica Peche. Trata-se de evento cuja característica básica é o desenvolvimento da percepção através do alinhamento conceitual de termos e estratégias relacionados com a atuação de técnicos, líderes e voluntários envolvidos em atividades de gestão comunitária, principalmente aquelas ligadas com organizações não- governamentais, públicas e empresariais.
A oficina será realizada em três etapas. A primeira, teórica, busca a reflexão sobre temas como questões ambientais de hoje e do futuro; fundamentos de gestão ambiental; riquezas comunitárias; e diretrizes para a prática da gestão ambiental comunitária.  Na segunda etapa, as atividades serão no campo onde serão apresentadas algumas técnicas para desenvolvimento da percepção e leitura ambiental das paisagens. A etapa final contempla um debate sobre os assuntos tratados e necessidades de ações futuras.
Os eventos, gratuitos e abertos a leigos, serão realizados na sede do CEA-IAC, Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, Km 65, Aeroporto, Jundiaí – SP. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail ppontes@iac.sp.gov.br. Outras informações podem ser obtidas no CEA-IAC, em Jundiaí, pelo telefone (11) 4582-8155, ramal 158, com Pedro Pontes.
Assessoria de Comunicação da APTA
José Venâncio de Resende
(11) 5067-0424

Pin It

Notícias por Ano