cabecalho apta130219

EXPORTAÇÕES E SUPERÁVIT DO AGRONEGÓCIO BATEM RECORDES HISTÓRICOS

As exportações brasileiras do agronegócio totalizaram US$ 31,774 bilhões entre e janeiro a agosto deste ano, 10,9% acima do valor exportado em igual período de 2005. Somente em agosto, as vendas do setor atingiram US$ 5,179 bilhões, o que representou um crescimento de 18% em relação ao mesmo mês do ano passado. Os números da balança comercial do agronegócio foram divulgados nesta quarta-feira (06/09) pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). De acordo com a Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio do Mapa, no acumulado do ano, as importações totalizaram US$ 4,182 bilhões. Como conseqüência, o superávit do setor foi de US$ 27,592 bilhões. Tanto o valor das exportações quanto o superávit do agronegócio são recordes históricos para períodos de janeiro a agosto. Nos oito primeiros meses do ano, os destaques foram para as vendas externas de cereais, farinhas e suas preparações (116,7%); açúcar e álcool (47,5%); sucos de frutas (23,6%); papel e celulose (21%). Em agosto, a balança comercial do agronegócio registrou superávit de US$ 4,559 bilhões, também recorde para meses de agosto. As importações do mês somaram US$ 620 milhões. As exportações do setor sucroalcooleiro cresceram 86,2% em agosto, sendo que as vendas de açúcar aumentaram 53,2% devido à elevação dos preços (em torno de 60%). O valor exportado de álcool aumentou 319,8%, resultado de um aumento de 137% na quantidade embarcada e preços 77% acima dos registrados em agosto de 2005. Além do açúcar e do álcool, o Mapa destacou o crescimento, em agosto, das exportações de papel e celulose (38,2%); sucos de frutas (15,3%); café, chá mate e especiarias (14,4%); fumo e tabaco (13,2%). As vendas externas de carnes (bovina in natura, frango e suína) apresentaram um crescimento de 10,4% em agosto, passando de US$ 843 milhões para US$ 930 milhões. Acumulado - No período de setembro de 2005 a agosto de 2006, as exportações brasileiras do agronegócio totalizaram US$ 46,714 bilhões, 12,2% acima do valor exportado entre setembro de 2004 e agosto de 2005, que foi de US$ 41,642 bilhões. As importações foram 19,3% superiores aos doze meses anteriores, com gastos de US$ 6,013 bilhões. Com isso, o superávit comercial acumulado nos últimos 12 meses foi de US$ 40,7 bilhões.
Pin It

Notícias por Ano