cabecalho apta130219

Não existe risco de embargo da exportação de carne bovina

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento informou que o risco de embargo da exportação de carne bovina para países europeus não existe. O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Reinhold Stephanes, informou que o risco de embargo da exportação de carne bovina para países europeus não existe e lembrou que o Brasil lidera o ranking dos países vendedores, além de atender às exigências feitas pela OIE - Organização Mundial de Saúde Animal e pela União Européia. “A União Européia quer o combate mais efetivo às doenças animais, mas isso já está sendo implementado; quer uma alteração na legislação de febre aftosa, que também já está pronta; quer exames laboratoriais mais eficientes também e quer que a rastreabilidade procure identificar a movimentação da pecuária de áreas livres e não livres, e isso nós também já temos plenas condições de fazer. São basicamente essas colocações que têm sido feitas e que o Brasil ou já está satisfazendo a todas elas ou estão em caráter final de implantação”, afirmou o ministro. Pecuaristas da Irlanda e do Reino Unido pediram suspensão da importação de carne para a União Européia, mas a Comissão de Saúde de Segurança Alimentar do grupo europeu já desfez o pedido. A última visita de uma missão veterinária européia ao Brasil ocorreu em março e a previsão é de retorno até o fim do ano.
Pin It

Notícias por Ano