cabecalho apta130219

Produtores esperam aumento no consumo de carne de ovinos no País

Dentro de alguns anos, o Brasil pode se tornar um grande produtor de carne ovina. Hoje, parte da demanda interna é suprida pelas importações, que entre 2005 e 2006, cresceram 48%, de 4,7 mil toneladas para 7 mil toneladas segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Para os produtores, isso indica aumento de consumo. O presidente da Associação Paulista de Criadores de Ovinos (Aspaco) e da Câmara Setorial Especial de Caprinos e Ovinos de São Paulo, Arnaldo dos Santos Vieira Filho, acredita na existência de demanda reprimida. Enquanto em alguns países da Europa o consumo per capta anual de carne ovina é de cerca de 27 quilos, no Brasil é de 700 gramas. O setor está se preparando para atender ao aumento da demanda de carne de cordeiro, que vem de animais jovens, com 4 meses a 8 meses e peso vivo de até 40 quilos. Para isso, procuram o cooperativismo, segundo o presidente da Aspaco. Como a atividade é praticamente nova em nível comercial, a saída, explica, tem sido a produção regional, o que dá maior poder de barganha na compra de insumos, na programação das vendas, além de ter padronização, qualidade e escala de abate. "Para encher um caminhão são necessários cem cordeiros", diz. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Pin It

Notícias por Ano