cabecalho apta130219

Relatório de instituto norte-americano defende regulação ambiental para produtos que incorporem nanotecnologia

Deve-se regulamentar a nanotecnologia para garantir que ela não ofereça riscos à saúde humana nem ao meio ambiente? O debate sobre essa questão já é antigo, mas foi reforçado no dia 11 de janeiro com a divulgação do relatório Managing the Effects of Nanotechnology (Administrando os Efeitos da Nanotecnologia). De acordo com o documento preparado por J. Clarence Davies, ex-administrador assistente da Agência de Proteção Ambiental (EPA, sigla em inglês) dos Estados Unidos, sim, é preciso elaborar uma lei específica para o setor. Em um esboço do que seria essa lei, o autor atribui às empresas a responsabilidade de provar que seus produtos não apresentam um "risco inaceitável".
Pin It

Notícias por Ano